Lembranças da Minha Infância Mareense

Lembro da brincadeira na rua, ainda na época da construção das casas de tijolos. Lembro do asfalto chegando, ainda nem tínhamos calçadas, era tudo terra, barro. Lembro das inúmeras árvores, hoje elas deram lugar às casas, assim como as próprias calçadas que hoje viraram lugar de moradia popular.

Lembro que andar e descer de bicicleta no morro do Timbau era uma grande aventura, pois parávamos sempre na Av. Brasil, já que a bike não tinha freio. rs

Lembro que os becos e vielas eram sempre lugares de esconde-esconde, eram muitos os becos que a gente caia dentro, corria daqui e dali e parávamos em outras favelas da Maré.

Lembro das casas de doces, lembro daquela casa de doces da Dona Leila que encantava qualquer criança, era muito doce, tinha até bala de 1 centavo, mas eu ainda sou da época do cruzeiro e só depois chegou o real. Eu e meus primos ganhávamos toda semana 1 real só pra comprar muito doce, e isso virava aquela festa na rua 17 de fevereiro, Baixa do Sapateiro.

Lembro do Ciep Elis Regina, estudei lá, lá na divisa, era bom demais, além de ter um monte de aula, tinha café da manhã às 7, lanche às 10h, almoço às 12h, mais lanche às 15h e janta, mesmo que mingau ou angu, às 17h. Logo depois chegada à noite, brincava mais um pouco no beco com os brinquedos dos outros e depois ia dormir. rs

Vou tentar lembrar mais da infância…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s